Em 2009, Kaká estava prestes a se transferir por £ 100 milhões para o Manchester City.

Kaká enfrenta o Milan

O meio-campista Kaká, que anteriormente joga pelo Orlando City na MLS, revelou que estava prestes a se transferir por £ 100 milhões para o Manchester City em 2009. No entanto, ele decidiu permanecer no Milan porque duvidava das perspectivas do clube sob os novos proprietários.

“As negociações registaram progressos significativos. Discutimos todos os detalhes do acordo. A única coisa que ficou entre mim e City foi minha última palavra. O salário que me ofereceram foi muito superior ao que ganhei no Milan. como será a vida na Inglaterra, como me adaptarei a um novo clube e quão difícil será para minha esposa e meus filhos se adaptarem ao novo ambiente. Todos esses pensamentos estavam girando na minha cabeça.

No final das contas, cheguei à conclusão de que agora não era o momento certo para me mudar para o City. O principal motivo era que eu não tinha certeza sobre o futuro da equipe que eles estavam construindo. Não conseguia compreender como se desenrolaria o processo de recuperação e se seria bem-sucedido. Pediram-me para trocar um dos clubes mais bem sucedidos da Europa por uma equipa que estava apenas a começar a sua jornada. Decidi não arriscar.”

Avalie este artigo
Kaka
Adicione um comentário